Segundo encontro do programa destacou os principais conceitos e cases sobre o tema apresentado no maior evento mundial do varejo, realizado em Nova York.

O Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo (IBEVAR) realizou nesta quinta (22), o Pós NRF Gestão de Pessoas. Este foi o segundo dos quatro encontros programados para este ano, com o objetivo de apresentar as principais tendências, informações e novidades da NRF 2018 Retail’s Big Show & EXPO, realizada em janeiro, em Nova York.

O evento apresentou um panorama geral sobre a área de gestão de pessoas e a importância de práticas estratégicas e eficientes voltadas para a satisfação dos colaboradores. A abertura foi feita pelo responsável pelo Relacionamento Corporativo e Institucional do IBEVAR, Lucas Forte, que falou sobre alguns cases de sucesso e como as palestras abordam o tema gestão de pessoas e o colaborador interno nas apresentações, mesmo sem ser o assunto principal ministrado. Além disso, destacam como empresas estão atingindo seus resultados também com estratégias voltadas para seus funcionários. “Não adianta falar de tecnologia ou serviço sem falar em gestão de pessoas. Nós nos propomos a trazer o melhor possível dentro deste tema para que vocês entendam, pelo menos, o que está se discutindo neste assunto”, contou Lucas.

Em seguida, ele passou a palavra para a diretora vogal do IBEVAR e coordenadora acadêmica da Academia de Varejo, Patricia Cotti. Ela destacou alguns números da edição deste ano e dados de mercado. Depois reforçou a ideia apresentada no início, de que as palestras introduzem o assunto gestão de pessoas de forma sutis, mas ainda sim presente no conteúdo.

Patricia começou sua apresentação falando sobre como há alguns anos a NRF enfatizou a ideia de que o varejo físico não vai morrer. Justamente para tentar reforçar esse conceito de que a ambientação de loja e a experiência do ponto de venda são diferentes nos tempos atuais. Segunda a diretora, esse ano foi possível perceber essa mudança em sutilezas de discursos das apresentações. “O tema gestão de pessoas não está explicito nas palestras, mas a abordagem da NRF este ano, na minha visão, ganha duas vertentes. A experiência imersiva, sobre a interação de loja com o cliente, e uma experiência digital, diferente do omnichannel que estamos acostumados a ver, mas sim experimentações digitais dentro das lojas para o consumidor que é digital”, contou Patricia.

E num mundo cada vez mais digital, a grande diferenciação das empresas é trabalhar com o toque humano – human touch, para garantir que suas marcas não se tornem frias. Para manter essa aproximação, as organizações precisam do colaborador para ter essa ponte com o cliente, e para isso, é necessário criar mecanismos para conseguir engajar o funcionário e passar o propósito da marca.

Algumas palestras foram evidenciadas como cases interessantes e comprometidos com o colaborador, como no caso das empresas Levis, &pizza, Chobani, Kronos, Workjam, Trhire Globbal, Best Buy, Elektra, Lego, G&E e Symphony. A Levis foi destaque pela liberdade e treinamento investido em seus funcionários. A &pizza se preocupa com a alimentação vendida e com os colaboradores, além de promover o forte engajamento com a comunidade e a diversidade. A Chobani revolucionou o mercado de iogurtes, tornando-se detentora de mais de 50% desse segmento, além da preocupação com o funcionário, que são tratados como uma comunidade e se sentem acolhidos pela marca.

A diretora falou também sobre o novo programa criado pela NRF, o Rise Up, para trabalhar a gestão de pessoas. É um treinamento baseado em três pilares: fundamentos da indústria do varejo; serviço ao consumidor e vendas; e serviço ao consumidor avançado e vendas. O programa tem o objetivo de vender a ideia de que a carreira no varejo é possível, para tentar ocupar as vagas no mercado americano. “O treinamento entrou como palestra principal na NRF deste ano e engloba o que é o negócio de varejo, vendas, produtos e serviços, processos de merchandising, e atendimento. Ele visa mostrar o varejo como uma carreira”, explicou Patricia.

Na segunda parte do encontro, Camilo Santos, Gil Cohen, Andrea Securato e Fabiano Molina, membros do Comitê de Gestão de Pessoas do Ibevar, compartilharam seus conhecimentos e experiências com os convidados. Gil e Molina discorreram sobre o papel do RH nas organizações e como aplicar práticas estratégicas para engajar os funcionários. Camilo destacou os treinamentos e a importância de ministra-los aos colaboradores, além do atendimento como área significante dentro das empresas. Andrea Securato, por sua vez, citou o varejo como carreira e os cursos oferecidos pela Academia de Varejo, que possuem horários estratégicos para os funcionários que desejam se especializar no segmento, sem que os estudos atrapalhem no trabalho ou vice e versa.

FONTE: IBEVAR

O IBEVAR irá realizar outros dois encontros para falar sobre a NRF 2018: no dia 22 de março, o tema será “Inovação de Marketing”, e no dia 26 de abril, serão apresentados alguns cases que mais se destacaram na edição deste ano.

Inscreva-se para o próximo evento do Programa NRF IBEVAR enviando um e-mail para ibevar@ibevar.org.br.